Tag

home care

Browsing

Funções do Cuidador de Idoso

Muito além da alimentação e higiene do paciente em domicílio Para ser um cuidador de idoso é preciso gostar de viver, independente dos seus problemas do dia a dia.  É preciso amar o próximo, não importando a sua crença ou religião. E muito mais do que isso é preciso gostar e entender o envelhecimento. Assim, penso que são dicas para você desempenhar um ótimo trabalho em domicílio de famílias com costumes diferentes do seu, mas que é o seu dever respeitá-los.  Ali, cumprir a sua função com apoio no aprendizado, talvez durante anos de experiência ou vindo da sabedoria através do estudo constante aliado a prática em alguma escola de capacitação. Uma vida está em suas mãos e nem sempre o cuidador é um profissional da enfermagem. São funções diferentes, embora ambos contribuem com todos os cuidados e muita atenção à saúde do paciente. A função do Cuidador de Idoso…

Quando papéis se invertem: dilemas dos filhos que têm que cuidar dos pais

Texto de Priscilla Auilo Haikal – Site VivaBem Assim é o ciclo da vida: somos cuidados e temos alguém que zela pela nossa saúde, mas em determinado momento os papéis se invertem e cabe a nós todas as decisões sobre aqueles que protagonizaram nossa criação. Com o processo de aumento da longevidade, é esperado que o número de pessoas que vivem com algum tipo de doença neurodegenerativa também se eleve. No caso da demência, por exemplo, a projeção é que o diagnóstico triplique de 50 milhões para 152 milhões até 2050, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Isso porque a chance de desenvolver doenças degenerativas cresce conforme a idade avança, e os novos quadros já correspondem a 55 mil diagnósticos por ano. Nesse contexto, quando uma mãe ou um pai se torna totalmente dependente de atenção e auxílio, além de aceitação e entendimento, é preciso que o filho desenvolva habilidades…

Terapia Integrativa

Como a prática milenar da Terapia Integrativa pode contribuir com o trabalho do Cuidador de Idoso? Você já ouviu falar da Terapia Integrativa? É uma contribuição natural e eficaz a todos os indivíduos com práticas milenares como Reiki, Hipnoterapia, Oraculoterapia e muitas outras com grande crescimento no atendimento à população brasileira. Mas todo cuidado é pouco! Procure o profissional certo para te ouvir e ajudar a entender o que se passa com seu corpo e mente.  Essa boa conexão tem que estar sempre alinhada à saúde. Nossa atuação com o tratamento é de forma preventiva na manutenção e restabelecimento natural de cada paciente, promovendo além do seu bem-estar, também o coletivo. O uso de florais, óleos essências, técnicas respiratórias, auriculoterapia, cones hindus, entre outras técnicas, tem sortido efeitos positivos na vida do ser humano. Sendo assim, eu recomendo a Terapia Integrativa com um tratamento específico para os “Cuidadores de Idosos”, profissionais que…

Cuidado? O que é isso? Como posso ter cuidado comigo e com os outros?

Na falta de cuidados com o idoso, contrate um profissional para executar a tarefa com muito respeito ao próximo. Cuidado significa atenção, precaução, cautela, dedicação, carinho, responsabilidade. Muito além dos cuidados físicos, há de se levar em conta as questões emocionais, a história de vida e sentimentos de cada pessoa. Muitas das vezes precisamos da ajuda de um profissional para cuidar de quem somos responsáveis e não temos tempo ou habilidades. Uma criança, um idoso… um doente ou alguém que acabou de fazer uma cirurgia e com o acúmulo de nossas tarefas não damos conta de tudo. É aí que entra em ação o “cuidador”, importante profissional, principalmente, na vida do idoso. Ele deve ter uma visão ampla da necessidade do idoso, dos seus hábitos e de sua rotina no dia a dia. Para executar o “cuidado” com qualidade o “cuidador do idoso” precisa não só de conhecimento, mas também…

Longevidade ao idoso em casa junto à família

Os cuidados essenciais com o idoso são a base para sua saúde e longevidade. Vida longa ao idoso! Um planejamento perfeito para o bom funcionamento dos seus cuidados é necessário nos mínimos detalhes e isso vai além do trabalho de um profissional da área de saúde. É importante a família cuidar desse ancestral com algum aprendizado, não apenas descobrindo na rotina diária. O maior cuidado que devemos ter é com a saúde emocional do idoso, mas há outros itens que vão ajudar a alertar quem cuida dele. Um ponto crucial é a medicação na hora certa e sob orientação médica. Acompanhá-lo em consultas, agendar exames, além de realizar cuidados de higiene íntima, banho, alimentação, auxiliar na locomoção são tarefas aos que precisam requer muita atenção. Ao identificar problemas de saúde grave ou não a família deve logo transmitir os sinais e sintomas a um profissional de saúde que, por sua…

Problemas com o sono do idoso? Segue as dicas!

O sono em excesso ou falta interferem na qualidade de vida do idoso. Você sabia que até mesmo da pessoa que cuida dele? Sim, porque o cuidador deve ficar atento, em tempo integral do trabalho, a todos os sinais de possíveis anormalidades que colocam em risco a boa saúde do paciente. O idoso, geralmente, gosta de cochilar durante o dia. Isso pode ser um dos motivos da falta de sono da noite ou não ter qualidade no repouso. Para a melhora é importante distraí-los durante toda a claridade para que haja menos cochilos possíveis. Outro fator que pode influenciar no sono é alguma medicação ou até mesmo a patologia do idoso –  e o indicado, neste caso, é procurar um médico para uma avaliação. 5 dicas para melhorar a qualidade do sono do idoso:  Durante o dia realizar atividades que possam distraí-lo; Um bom travesseiro, um bom colchão e um ambiente…

CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DOS EXERCÍCIOS FÍSICOS E SAIBA COMO MANTER OS IDOSOS ATIVOS SEM SAIR DE CASA

A atividade física é cada vez mais fundamental para os idosos.  Com regularidade, ela surge como um meio de promoção à saúde e qualidade de vida. No Brasil já existem diversos programas destinados à população idosa para prática de atividade física. A prática de exercícios físicos para idosos traz muitos benefícios como: gerenciamento de doenças crônicas, reduz os riscos da baixa capacidade física, aumenta a longevidade, desacelera as alterações fisiológicas do envelhecimento, melhora as alterações da composição corporal causada pelo envelhecimento, diminui os riscos de doença do coração, fortalece a massa óssea e a massa muscular, promove bem-estar psicológico e cognitivo, entre outros. Hoje,  vivemos um momento muito delicado por conta de um vírus e não podemos ter convívio social e nem mesmo sair de casa, então essa situação é muito complicada para a rotina dos idosos que praticam atividade física.  Como irão se exercitar sem sair de casa? Será…

× Fale com a Dila!