Prevenção + Cuidados = Proteção

Que é igual a uma vida bem longa!

O ano passa e envelhecer é o terror da maioria dos brasileiros que, apesar de tudo, ainda sonha com a aposentadoria. O que os assusta, vai além da beleza e estética. É pelas limitações do avanço da idade, mas também pelo crescente descaso e falta de cuidado de quem está ao lado do idoso, principalmente, quando este não tem boa saúde.

Como disse um dia o grande filósofo japonês Daisaku Ikeda, “precisamos modificar nossa atitude em relação ao envelhecimento. A extraordinária experiência de vida que os idosos possuem consiste num tesouro precioso, para os próprios idosos, às pessoas ao redor deles, à sociedade e para o mundo como um todo”.

Mas falemos a real:

O IBGE informa que o Brasil tem hoje 26 milhões de idosos e deve crescer para 20% da população brasileira em 2030. Mas vale a pena lembrar que ainda não estamos bem educados para cuidar dos idosos na saúde e na doença. Em conversa com Herica Oliveira, coach e profissional competente à frente de uma equipe de saúde domiciliar, fiquei assustado com o percentual do que pode fazer dos idosos eternos pacientes. As quedas sofridas por eles ultrapassam 70%.

Segundo o Ministério da Saúde: Cerca de 30% com mais de 65 anos caem pelo menos uma vez ao ano, mas não há campanha publicitária de alerta nos veículos de comunicação. Talvez estejam esperando chegar 2030!

Ironias à parte, tudo começa em casa.

Nas ruas o idoso tem que ser acompanhado por alguém que lhe dê atenção redobrada. A subida nos degraus de um ônibus sem apoio pode causar imprevistos graves.

Através do bate-papo com Herica aprendi valiosas e importantes dicas para reflexão. É um alerta para as pessoas que convivem com idosos em casa. O ideal é eliminar tapetes e outros objetos à sua frente. Escadas sempre com corrimão, facilitando o seu dia a dia. Cuidados simples e necessários como, por exemplo: Nunca andar apenas de meias em pisos lisos que já são escorregadios e não devem ser encerados.

É preciso preparar bem o ambiente de circulação dos idosos. Se para os familiares ter essa consciência ainda é difícil, imagina para nossos governantes. É dever deles cuidar do cidadão, mas deixam muitos idosos doentes nas enormes filas dos hospitais públicos. Para ao final ouvir que não tem atendimento.

Mas essa é outra história, pois quem cuida da terceira idade pode ajudar a prevenir qualquer acidente e evitar a fatalidade.

Pense nisso, afinal você será idoso um dia!

Escreva um comentário

Share This