Na Medicina Tradicional Oriental, tudo tem importância e um significado, até mesmo a ausência de informação. Nela, encontramos ciclos que se repetem constantemente, como o fluxo do biorrítimo que é medido em intervalos de 2 horas para as fases de atividades do Sistema de Canais energéticos.

Os canais de energia têm a função de comunicação do Interior com o Exterior, com ligação direta entre os órgãos internos, o sangue e a parte somática, com o intuito de promover o equilíbrio da circulação.

Os pontos de acupuntura são como pontos de conexão à distância para acesso aos órgão e vísceras, de forma que consigamos atuar, aquecer, esfriar, circular energia mais rapidamente ou lentamente, retirar ou colocar energia no sistema.

A medicina oriental possui um diferencial, pois além de possuir uma grande eficácia para a maioria das queixas, de fato, algumas delas nem são diagnosticadas ou tratadas pela medicina ocidental.

Por exemplo, segundo a MTO:

Quem sofre de insônia, deve cuidar melhor dos rins, fígado e/ou coração;
Quem declarar irritabilidade deverá ter seu fígado tratado;
Quem sofre de lombalgia deve tonificar seu rim.

Os Chineses tradicionais acreditavam que os órgãos do corpo humano desempenhavam um papel especial. Ainda hoje seguimos esse caminho de sucesso na arte de cuidar.

                                                       

Alberto Perez – Terapias e Curas

                                                                        Acupunturista

                                                                        Cel/Zap: (21) 98066-1339

Atendimento diferenciado, direcionado ao Bem-Estar do idoso.

Escreva um comentário

Share This