Cuidar de si mesmo, é se conhecer. Alguns indivíduos trabalham melhor sozinhos. Outros preferem grandes empresas ou lidar com números. Já alguns preferem profissões para ajudar pessoas. Quem se enquadra nesse último grupo de carreiras precisa entender que, mais do que o desenvolvimento profissional — obtido por meio de qualificação —, essas profissões exigem o desenvolvimento pessoal. Ou seja, estar preparado para lidar com situações diversas com equilíbrio emocional e gostar de ajudar o próximo.

Neste artigo vamos apresentar 5 profissões bastante conhecidas para quem gosta de cuidar das pessoas. Confira!

1. Cuidador de idosos

A profissão de cuidador de idosos já existe há muito tempo, mas sua regulamentação só ocorreu recentemente, ou seja, é uma profissão que está crescendo no mercado e vale para quem tem aptidão e muito amor.

Certamente, entre as funções de uma pessoa que se dedica a cuidar de idosos estão fazer: Companhia, auxiliar na higienização pessoal e alimentação, administrar medicações, ajudar nas tarefas domésticas, distrair o paciente e acompanhar em casos de internações. A legislação para cuidador de idosos segue a orientação para contratação de empregados domésticos e, para desempenhar essa função, é preciso ter pelo menos 18 anos, ensino fundamental completo e um curso de formação específico na área.

Aliás, quem deseja seguir essa profissão pode optar por trabalhar na casa de um paciente ou em clínicas de repouso. Vale destacar que são características bem-vindas ter paciência, empatia e sobretudo, saber lidar com adversidades.

2. Enfermeiro

O enfermeiro tem como princípio, dedicar a sua vida ao cuidado com a saúde das pessoas, prestando atendimento ao paciente e garantindo o seu bem-estar. As principais atividades desse profissional são prestar os primeiros socorros, fazer curativos, administrar a medicação, dentre outras.

Para seguir nessa área de atuação é preciso ter um curso superior de enfermagem. Além de ter um preparo emocional muito grande para lidar com situações complicadas, como a perda de um paciente. O enfermeiro pode atuar em hospitais, clínicas em geral, unidades de atendimento à saúde da família e prestando serviços na casa do paciente.

3. Médico

A medicina é uma das profissões mais antigas e tradicionais da humanidade. Para exercê-la é preciso ter graduação na área, um período de residência após a formação, especialização e muita vontade de ajudar ao próximo.

As principais atribuições do médico são: Cuidar dos pacientes, investigar os sintomas, prescrever e realizar tratamentos e acompanhar o quadro clínico geral. Esse profissional pode atuar em consultórios, hospitais, clínicas especializadas, centros cirúrgicos e atendimento de urgência e emergência. Para cada um desses lugares, a rotina é distinta e exige muita dedicação do profissional.

Profissional realizado, espalha sonhos e muda vidas.

4. Assistente social

Exercer a função de assistente social, em suma, também é escolher uma profissão para ajudar as pessoas.  Esse profissional deve ter como principal objetivo combater as desigualdades sociais, lutar pelos direitos dos cidadãos, como garantir saúde, alimentação, educação e habitação.

Para ser um assistente social é preciso: Desenvolver empatia, estar engajado na luta por um mundo melhor e trabalhar na promoção do bem-estar físico, social e emocional dos indivíduos. A profissão exige também a formação no curso superior de Serviço Social, que tem a duração média de 4 anos.

5. Psicólogo

Esse profissional precisa ter o curso superior em Psicologia, mas não apenas! Seu principal objetivo está em ajudar as pessoas a encontrar respostas para seus problemas, por meio do autoconhecimento, além disso. esse profissional que tem sido cada vez mais requisitado deve conseguir identificar as causas dos problemas dos pacientes, melhorando a sua confiança e qualidade de vida.

O psicólogo pode atuar em consultórios, clínicas de terapia, hospitais e até mesmo em empresas. Atuando na área de recursos humanos.

E aí, identificou alguma das profissões para ajudar pessoas que combina com o seu perfil? Seja como for, lembre-se:

Em qualquer uma delas é preciso ter muita dedicação, esforço e acima de tudo vontade de cuidar do próximo.

Quer ficar por dentro de mais dicas sobre profissões?

Siga nossas páginas no Facebook e no Instagram e não perca nenhuma novidade! ​

Escreva um comentário

Share This